Filmes por gênero

LADY L (1965)

Lady L
imagem

Ficha Técnica

Pais: França, Itália, Reino Unido
Gênero: Comédia
Direção: Peter Ustinov
Roteiro: Peter Ustinov
Produção: Carlo Ponti
Música Original: Jean Françaix
Fotografia: Henri Alekan
Edição: Roger Dwyre
Figurino: Marcel Escoffier, Jacqueline Guyot
Guarda-Roupa: Joan Joseff
Maquiagem: William Tuttle, Michel Deruelle, Giuseppe Annunziata
Efeitos Sonoros: William Robert Sivel
Efeitos Especiais: Karl Baumgartner
Nota: 7.4
Filme Assistido em: 1991

Elenco

Sophia Loren Lady Louise Lendale / Lady L
Paul Newman Armand Denis
David Niven Dicky, Lord Lendale
Cecil Parker Sir Percy
Marcel Dalio Sapper
Philippe Noiret Ambroise Gérôme
Jacques Dufilho Bealu
Daniel Emilfork Kobeleff
Eugene Deckers Koenigstein
Jean Wiener Krajewski
Roger Trapp Inspetor de Polícia Dubaron
Joe Dassin Inspetor de Polícia
Jacques Legras Inspetor de Polícia
Michel Piccoli Lecoeur
Peter Ustinov Príncipe Otto da Baviera
Mario Feliciani Anarquista italiano
Arthur Howard Mordomo
Claude Dauphin Inspetor Mercier
Dorothée Blanck Jovem loura
France Arnel Jovem morena
Tanya Lopert Agneau

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Ao se aproximar a data de seu 80º aniversário de nascimento, a sofisticada e ainda atraente Lady Louise Lendale conta a história de sua vida para Sir Percy, seu biógrafo.

No relato, ela diz que há muitos anos atrás, ao fugir de suas origens humildes na Córsega, ela viajou até Paris, onde encontrou trabalho num bordel da capital francesa. Uma vez lá, apaixonou-se por um ladrão e anarquista, Armand Denis, de quem logo veio a engravidar.

Pouco depois, antes de ele usar uma bomba para assassinar um príncipe da Baviera, ela conheceu Dicky, Lord Lendale, que de tão encantado com sua beleza, prometeu-lhe negligenciar as atividades de Armand caso ela aceitasse se casar com ele.

Concordando com a proposta recebida, ela veio a se tornar uma respeitável mulher da alta sociedade e, juntos, ela e o Lord Lendale criaram uma grande família. O segredo mantido pelo casal, ao longo de tantos anos, é que Armand, trabalhando como motorista da família,  continuou a ser amante de Lady Louise e é o pai biológico de todos os seus filhos.

imagem

Comentários

Escrita e dirigida pelo cineasta britânico Peter Ustinov, “Lady L” é uma razoavelmente boa comédia de meados dos anos 1960. Sua trama gira em torno de uma bela mulher de origem humilde que, vivendo num bordel e tendo como amante um ladrão, aceita o pedido de casamento de um rico aristocrata que por ela se apaixona, desde que este ofereça um emprego para seu amante na casa em que vão morar.

O grande destaque do filme é, sem dúvida, Ustinov. Além de ser o roteirista e diretor do filme, ele ainda atua no papel do Príncipe Otto da Baviera. Em contrapartida, a maior decepção fica por conta da péssima atuação de Paul Newman como o ladrão e amante Armand Denis.

Na área técnica, além dos bons trabalhos apresentados por Ustinov, merece ser citada a bela fotografia de Henri Alekan.

CAA