Filmes por gênero

EQUUS (1977)

Equus
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Equus - Blinde Pferde (Alemanha)
Hevonen (Finlândia)
Hesteguden (Dinamarca)
Эквус (Rússia)
Pais: Reino Unido, Estados Unidos
Gênero: Drama, Mistério
Direção: Sidney Lumet
Roteiro: Peter Shaffer
Produção: Elliott Kastner, Lester Persky, Denis Holt
Design Produção: Tony Walton
Música Original: Richard Rodney Bennett
Direção Musical: Angela Morley
Fotografia: Oswald Morris
Edição: John Victor-Smith
Direção de Arte: Simon Holland
Figurino: Tony Walton
Guarda-Roupa: Brenda Dabbs, Patti Unger
Maquiagem: Ron Berkeley, Ken Brooke
Efeitos Sonoros: Jack Fitzstephens, James Sabat, Sanford Rackow, Dick Vorisek
Efeitos Especiais: Kit West
Nota: 8.6
Filme Assistido em: 1978

Elenco

Richard Burton Martin Dysart
Peter Firth Alan Strang
Colin Blakely Frank Strang
Joan Plowright Dora Strang
Harry Andrews Harry Dalton
Eileen Atkins Hesther Saloman
Jenny Agutter Jill Mason
Kate Reid Margaret Dysart
John Wyman Cavaleiro
Elva Mai Hoover Srta. Raintree
Ken James Sr. Pearce
Patrick Brymer Paciente no Hospital
David Gardner Dr. Bennett
James Hurdle Sr. Davies
Karen Pearson Mary
Mark Parr Palhaço

Prêmios

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Jenny Agutter)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Ator em um Drama (Richard Burton)

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Peter Firth)

Círculo dos Críticos de Cinema de Kansas City, USA

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Peter Firth)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Ator (Richard Burton)

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Peter Shaffer)

Oscar de Melhor Roteiro Adaptado (Peter Shaffer)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Colin Blakely)

Prêmio de Melhor Roteiro (Peter Shaffer)

Prêmio Anthony Asquith de Melhor Música (Richard Rodney Bennett)

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Joan Plowright)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Martin Dysart é um psiquiatra. No hospital em que trabalha, ele descreve o caso de Alan Strang, um jovem de 17 anos. Ele também confessa que sua ocupação não é tudo que ele deseja, deixando claro sua insatisfação com sua vida árida. Em relação aos seus clientes jovens, ele duvida do valor de tratá-los, uma vez que eles retornam à uma vida normal e sem graça. Certo dia, um magistrado da Corte, Hesther Saloman, o visita, acreditando que ele tem as habilidades necessárias para ajudar Alan a aceitar seus atos violentos envolvendo seis cavalos.
 
No hospital, Dysart tem muita dificuldade em progredir com Alan, quando responde às suas perguntas cantando jingles de propaganda na TV. Dysart resolve, então, passar a fazer contato com ele através de um jogo em que cada um faz uma pergunta que deve ser respondida honestamente. Assim, ele descobre que, desde sua tenra idade, Alan vem recebendo pontos de vista conflitantes sobre religião de seus pais. Sua mãe, Dora Strang, é uma cristã devota que diariamente lê um trecho da Bíblia. Tal prática antagonizou o pai ateu, Frank Strang, que preocupado com o fato de Alan ter-se interessado demais nos aspectos mais violentos da Bíblia, destruiu um quadro da crucificação que ele havia pendurado ao pé de sua cama. Ele substituiu o quadro por outro de um cavalo, com grandes olhos fixos. Durante a juventude, ele se sentiu atraído por cavalos por meio de contos bíblicos de sua mãe, por filmes de faroeste, além do interesse de seu avô por cavalos.
 
Dysart, então, revela um sonho que teve, em um cenário grego, no qual ele era um funcionário público presidindo um ritual em massa. No sonho, vísceras de centenas de crianças são abertas e suas entranhas são retiradas. Embora com nojo do que está fazendo, seu desejo de parecer profissional para os outros não para. 
 
O treinamento sexual de Alan começou quando sua mãe lhe disse que poderia encontrar o amor e satisfação verdadeiros por meio de devoção religiosa e casamento. Durante esse período, Alan também começa a mostrar uma atração sexual por cavalos, desejando acariciar seus pelos grossos, sentir seus corpos musculosos e cheirar seu suor. Em seguida, ele revela que encontrou um cavalo pela primeira vez aos seis anos, numa praia. Um cavaleiro se aproximou dele e o montou no cavalo. Na ocasião, ele se mostrou bastante empolgado, mas seus pais o encontraram e o levaram para casa.
 
Dysart, então, hipnotiza Alan e, durante a hipnose, revela elementos de seu sonho aterrorizante do ritual de assassinato de crianças. Assim, ele começa a revirar a memória de Alan, preenchendo espaços em branco e fazendo perguntas. Alan, então, revela que quer ajudar os cavalos, removendo o freio que os escraviza. 
 
Ao completar 17 anos, Alan conseguiu um emprego em uma loja de artigos elétricos, onde conheceu uma jovem extrovertida com cerca de 20 anos. Ao tomar conhecimento de que ela trabalha para o Sr. Harry Dalton, um importante proprietário de estábulos, Alan se mostra interessado em conhecê-lo e termina sendo por ele contratado.
 
Algum tempo depois, Dysart se encontra com o Sr. Dalton, que lhe diz que considera Alan um trabalhador modelo, pois ele mantém os estábulos imaculadamente limpos e cuida muito bem dos cavalos, incluindo "Nugget", o seu preferido. Através do questionamento de Dysart, fica claro que Alan é eroticamente fixado em "Nugget" e, secretamente, o leva para passeios à meia-noite, sem camisa e nu. 
 
Certo dia, Jill, que se interessou por Alan, pede que ele a leve a um cinema pornô. Uma vez lá, os dois encontram o Sr. Strang. Alan se mostra traumatizado, principalmente quando o pai mente ao justificar sua presença no cinema. No entanto, esse fato faz com que Alan perceba que sexo é algo natural para todos os homens, inclusive seu próprio pai. Ao deixarem o cinema, Jill convence Alan a ir aos estábulos com ela. Uma vez lá, ela o seduz e os dois começam a fazer sexo selvagem.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Sidney Lumet, a partir de um roteiro escrito por Peter Shaffer, "Equus" é um filme produzido em 1977 pelas empresas Persky-Bright Productions e Winkast Film Productions. Sua trama gira em torno de um psiquiatra que é contratado para descobrir os motivos que levaram um adolescente a cegar seis cavalos. 
 
Na direção, Lumet realiza um excelente trabalho, no que é ajudado pelo roteiro muito bem construido por Peter Shaffer e pela bela trilha sonora a cargo de Richard R. Bennett. No elenco, com excelentes atuações, destacam-se Richard Burton, Peter Firth e Jenny Agutter, seguidos pelas boas atuações de Colin Blakely e Joan Plowright, os quais nos mantém atentos do primeiro ao último minuto. 
 
Enfim, "Equus" é um filme que recomendo fortemente.
 
 
CAA