Filmes por gênero

NOSSO HOMEM EM HAVANA (1959)

Our man in Havana
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: O nosso agente em Havana (Portugal)
Notre agent à La Havane (França)
Il nostro agente all'Avana (Itália)
Nuestro hombre en La Habana (Espanha, México)
Unser Mann in Havanna (Austria, Alemanha)
Vår man i Havanna (Suécia)
Nasz czlowiek w Hawanie (Polônia)
Vor mand i Havana (Dinamarca)
Наш человек в Гаване (União Soviética)
Pais: Reino Unido
Gênero: Comédia, Drama, Suspense
Direção: Carol Reed
Roteiro: Graham Greene
Produção: Carol Reed
Música Original: Frank Deniz, Laurence Deniz
Fotografia: Oswald Morris
Edição: Bert Bates
Direção de Arte: John Box
Figurino: Phyllis Dalton
Guarda-Roupa: Betty Adamson, Arthur Newman
Maquiagem: Harry Frampton
Efeitos Sonoros: John Cox, Red Law, John Mitchell, Teddy Mason
Nota: 8.3
Filme Assistido em: 1963

Elenco

Alec Guinness Jim Wormold
Maureen O'Hara Beatrice Severn
Burl Ives Dr. Hasselbacher
Ernie Kovacs Capt. Segura
Noel Coward Hawthorne
Ralph Richardson 'C'
Jo Morrow Milly Wormold
Grégoire Aslan Cifuentes
Paul Rogers Hubert Carter
Raymond Huntley General
Ferdy Mayne Prof. Sanchez
Maurice Denham Almirante
Joseph P. Mawra Lopez
Duncan Macrae MacDougal
Gerik Schjelderup Svenson
Karel Stepanek Dr. Braun
Maxine Audley Teresa
Timothy Bateson Rudy
Reginald Holder Barman
John Le Mesurier Louis, garçom
Rachel Roberts Prostituta

Indicações

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Comédia

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (Carol Reed)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Jim Wormold é um inglês que vive em Havana, onde trabalha como vendedor de aspiradores de pó. Após ser abandonado pela esposa, que fugira com outro homem para Miami, ele encontra sérios problemas financeiros para criar a filha Milly, uma bela jovem de dezessete anos, constantemente cortejada pelo capitão de polícia local, famoso pelas torturas que inflige aos rebeldes liderados por Fidel Castro.

Certo dia, Wormold recebe a visita de um idoso agente inglês, Hawthorne, que lhe recruta para trabalhar como espião e enviar informações em código, ao Serviço Secreto, sobre a situação do país e formar uma equipe de agentes. Wormold aceita o serviço pelo dinheiro, mas não tem a menor ideia de como conseguir informações secretas e não é bem sucedido em recrutar outros agentes.

Conversando com seu melhor amigo, o médico alemão Dr. Hasselbacher, este lhe aconselha a inventar informações como forma de solicitar cada vez mais dinheiro ao governo britânico, com o que ele concorda. Assim, ele cria uma fantasiosa história de uma construção secreta nas montanhas e os seus superiores ingleses acham que se trata de algo importante, a ponto de mandarem agentes mais experientes para ajudá-lo, dentre eles a esperta Beatrice Severn.

No entanto, o Capitão Segura descobre sobre as tentativas de espionagem e passa a ameaçar Wormold e Milly.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Carol Reed, a partir de um roteiro escrito por Graham Greene, “Nosso Homem em Havana” é um filme britânico produzido pelas empresas Columbia Pictures Corporation e Kingsmead Productions em 1957. Sua trama, baseada num livro de Graham Greene, é um retrato do mundo da espionagem que expõe a teia de interesses e falsas aparências que, em muitos casos, rege o desempenho de burocratas interessados apenas em preservar suas posições privilegiadas, representados aqui pelo agente Hawthorne.

Na direção, Reed realiza um excelente trabalho, principalmente pelo ritmo por ele imposto à narrativa. Utilizando o processo CinemaScope, a fotografia em preto e branco, assinada por Oswald Morris, é outro quesito que merece elogios.

No elenco, Alec Guinness e Noel Coward brilham em seus respectivos papéis, seguidos pelas boas atuações de Ernie Kovacs, Burl Ives e Maureen O'Hara.

CAA