Filmes por gênero

A LENDA DE LYLAH CLARE (1968)

The legend of Lylah Clare
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: A lenda de uma Estrela (Portugal)
Le démon des femmes (França)
Quando muore una stella (Itália)
La leyenda de Lylah Clare (Espanha, México)
Große Lüge Lylah Clare (Alemanha)
Vad hände den natten (Suécia)
Legenda Lylah Clare (Polônia)
Døden spejler sig (Dinamarca)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: Robert Aldrich
Roteiro: Hugo Butler, Jean Rouverol
Produção: Robert Aldrich, Walter Blake
Música Original: Frank De Vol
Fotografia: Joseph F. Biroc
Edição: Michael Luciano
Direção de Arte: George W. Davis, William Glasgow
Figurino: Renié
Guarda-Roupa: Marie Osborne, Frank Roberts, Nat Tolmach, Florence Hackett
Maquiagem: William Tuttle, Robert J. Schiffer
Efeitos Sonoros: Franklin Milton, Lee Archer, Philip Mitchell
Efeitos Especiais: Alan Burke
Efeitos Visuais: Robert R. Hoag
Nota: 7.4
Filme Assistido em: 1987

Elenco

Kim Novak Lylah Clare / Elsa Brinkmann / Elsa Campbell
Peter Finch Lewis Zarken
Ernest Borgnine Barney Sheean
Milton Selzer Bart Langner
Valentina Cortese Condessa Bozo Bedoni
Rossella Falk Rossella
Gabriele Tinti Paolo
Jean Carroll Becky Langner
Michael Murphy Mark Peter Sheean
Coral Browne Molly Luther
Robert Ellenstein Mike
Nick Dennis Nick
George Kennedy Matt Burke
Peter Bravos Mordomo
Dick Miller Repórter
Victoria Zinny Reporter
Christine Burke Reporter
Danny Borzage Palhaço
Fritz Ford Fotógrafo
John Francis Fotógrafo
William Graeff Jr. Cameraman
Walter Maslow Policial
Peter Virgo Jr. Policial

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

O agente Bart Langner encontra Elsa Brinkmann, uma possível atriz que se parece com Lylah Clare, uma estrela extravagante que morreu em circunstâncias suspeitas há vinte anos. Em seguida, ele convence o arrogante diretor Lewis Zarkan, que fora casado Lylah, a vê-la. Os dois homens convencem Barney Sheean, igualmente impressionado, a apoiar uma foto como Lylah.
 
Além de lidar com o tirânico Zarcan e de ter fácil acesso a álcool e drogas, Elsa também tem que enfrentar outros perigos de Hollywood, como a jornalista maliciosa Molly Luther e a admiradora lésbica, a atriz Rossella. À medida que as filmagens continuam, sua identificação com o papel fica mais intensa. Ela também começa a se apaixonar por Zarcan, que fica feliz em dormir com ela, embora sua prioridade seja terminar o filme.
 
No último dia de filmagens, , sua personalidade parece ter se misturado à da ultrajante Lylah, cuja queda fatal, sabemos, foi motivada pelo ciumento Zarcan. Para antagoniza-lo, ela primeiro o deixa encontrá-la na cama com o jardineiro. Em seguida, quando ele a dirige em uma cena de circo, ela pula para a morte do fio condutor. A publicidade resultante torna seu filme um enorme sucesso de bilheteria. A tragédia vem depois, quando o próprio Zarcan é baleado e morto por Rossella.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Robert Aldrich, a partir de um roteiro escrito por Hugo Butler e Jean Rouverol, "A Lenda de Lylah Clare" é um filme produzido em 1968 pela The Associates & Aldrich Company.
 
Na direção, Aldrich realiza um trabalho razoável, dificultando às vezes o acompanhamento da trama por parte do espectador. No elenco, embora longe de atingir o nível de suas melhores atuações, Kim Novak se sai razoavelmente bem, o mesmo ocorrendo com o ator Ernest Borgnine.
 
CAA