Filmes por gênero

DESEJO ATROZ (1953)

All I desire
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Desejo de mulher (Portugal)
Désir de femme (Bélgica)
Desiderio di donna (Itália)
Su gran deseo (Espanha)
All meine Sehnsucht (Alemanha)
All min längtan (Suécia)
Alle mine længsler (Dinamarca)
Het eeuwige verlangen (Holanda)
Nalezysz do mnie (Polônia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: Douglas Sirk
Roteiro: James Gunn, Robert Blees
Produção: Ross Hunter
Música Original: Henry Mancini, Herman Stein
Direção Musical: Joseph Gershenson
Coreografia: Kenny Williams
Fotografia: Carl E. Guthrie
Edição: Milton Carruth
Direção de Arte: Alexander Golitzen, Bernard Herzbrun
Figurino: Rosemary Odell
Guarda-Roupa: Joan Joseff
Maquiagem: Bud Westmore
Efeitos Sonoros: Leslie I. Carey, Robert Pritchard, James V. Swartz
Nota: 8.0
Filme Assistido em: 1994

Elenco

Barbara Stanwyck Naomi Murdoch
Richard Carlson Henry Murdoch
Lyle Bettger Dutch Heineman
Marcia Henderson Joyce Murdoch
Lori Nelson Lily Murdoch
Maureen O'Sullivan Sara Harper
Richard Long Russ Underwood
Billy Gray Ted Murdoch
Lotte Stein Lena Engstrom
Dayton Lummis Coronel Underwood
Fred Nurney Peterson
Lois Austin Sra. Underwood
Virginia Brissac Sra. Tomlin
Lela Bliss Belle Stanton
Wheaton Chambers Sr. Atkins
Mary Newton Sra. Atkins
Brett Halsey John Lexington
Pat Lane Padre
Thomas E. Jackson Dr. Philip Tomlin
Edmund Cobb .
Helen Dickson .
Guy Williams .

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Naomi Murdoch abandona seu marido e filhos, em Wisconsin, decidida a se tornar uma atriz e também para fugir de um ex-pretendente agressivo, Dutch Heineman. Dez anos depois, a convite da filha Lily, que está participando de uma peça da escola e prestes a se formar, ela decide voltar.

Lily se mostra encantada por acreditar que sua mãe se tornou um grande sucesso nos palcos, como era seu sonho. Henry, seu marido e diretor da escola, mostra-se inseguro em relação aos seus reais sentimentos para com a mulher que o abandonou. Joyce, a filha mais velha, ainda se mostra bastante amarga face à atitude da mãe, quando ela estava entrando na adolescência. Por fim, os habitantes da cidade estão preocupados com sua notoriedade.

Na escola, durante a apresentação da peça, Dutch não tira os olhos de Naomi. Por outro lado, Sara Harper, uma professora que agora ama Henry, sente que ele ainda tem sentimentos por sua antiga esposa.

Dutch aparece quando Naomi decide passear a cavalo em companhia de sua filha Joyce e do namorado desta, Russ. Quando os dois jovens deixam Naomi à beira de um lago, Dutch aparece para tentar abraçá-la, mas ela recusa seus avanços e, ao voltar para casa, se reconcilia com Henry.

Mais tarde, Dutch sinaliza para Naomi que deseja se encontrar com ela no lago. Ela vai até lá para dizer-lhe pessoalmente que não a procure mais, pois já decidiu voltar para o marido. Inconformado, ele tenta agarrá-la à força, que usa de um chicote de equitação para defender-se. Na luta que se segue, o rifle dele cai e dispara, atingindo-o acidentalmente. Ted, filho de Naomi, o leva a um médico, embora acredite que sua mãe tenha tido um encontro amoroso naquele dia.

Diante de tanta confusão, Naomi acredita que seria melhor para todos se ela fosse embora. Lily, por outro lado, diz que gostaria de acompanhar a mãe, a fim de tentar ser uma atriz famosa como ela, após o que Naomi confessa que sua carreira tem sido marcada por uma sucessão de fracassos. Ao descobrir a reação da mulher diante das tentativas de avanços praticadas por Dutch, Henry evita que Naomi vá embora, dando mais uma chance a eles de terem uma vida feliz a dois.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Douglas Sirk, “Desejo Atroz” é um dos melhores melodramas realizados no início dos anos 1950. Rodado em preto e branco, sua trama fala de uma mulher, magnificamente interpretada por Barbara Stanwyck, que abandona a família para tentar ser atriz.

Na direção, Sirk, um diretor cuidadoso, realiza um ótimo trabalho ao criar composições muito bem enquadradas, no que é ajudado pela brilhante atuação de Stanwyck.

Merecem ainda ser destacados o belo figurino assinado por Rosemary Odell, e a fotografia a cargo de Carl E. Guthrie.

CAA