Filmes por gênero

SEM MEDO DE VIVER (1993)

Fearless
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: État second (França)
Sans peur (Canadá francês)
Fearless - senza paura (Itália)
Sin miedo a la vida (Espanha, Argentina)
Fearless - Jenseits der Angst (Alemanha, Austria)
Utan fruktan (Suécia)
Frygtløs (Dinamarca)
Бесстрашный (Rússia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama, Suspense
Direção: Peter Weir
Roteiro: Rafael Yglesias
Produção: Mark Rosenberg, Paula Weinstein
Design Produção: John Stoddart
Música Original: Maurice Jarre
Direção Musical: Maurice Jarre
Fotografia: Allen Daviau
Edição: William M. Anderson, Armen Minasian, Lee Smith
Direção de Arte: Christopher Burian-Mohr
Figurino: Marilyn Matthews
Guarda-Roupa: Elaine Maser, Mary C. Lane, Rudolph Garcia
Maquiagem: Edouard F. Henriques
Efeitos Sonoros: Wayne Pashley, Lee Smith, Peter Townend, Phil Judd e outros
Efeitos Especiais: Ken Pepiot, Albert Delgado, Peter Albiez e outros
Efeitos Visuais: William Mesa, Nick Davis, Abra Grupp, Andrew Naud
Nota: 8.1
Filme Assistido em: 1994

Elenco

Jeff Bridges Max Klein
Isabella Rossellini Laura Klein
Rosie Perez Carla Rodrigo
Tom Hulce Dr. Steven Brillstein
John Turturro Dr. Bill Perlman
Benicio Del Toro Manny Rodrigo
Deirdre O'Connell Nan Gordon
John de Lancie Jeff Gordon
Spencer Vrooman Jonah Klein
Daniel Cerny Byron Hummel
Eve Roberts Gail Klein
Robin Pearson Rose Sarah
Debra Monk Alison
Cynthia Mace Cindy Dickens
Randle Mell Peter Hummel
Kathryn Rossetter Jennifer Hummel
Craig Rovere Agente do FBI
Doug Ballard Agente do FBI
Schylar Gholson Sam Gordon
Trevor Gholson Benjamin Gordon
Cliff Gober Jr. Paramédico
Roger Hernandez Padre
Sally Murphy Jackie O'Neil
John Towey John Wilkenson
Antoinette Peragine Irmã de Laura
Stephanie Erb Lisa
Paul Ghiringhelli Reporter
Rondi Reed Veronica Castane
Rome Owens Leonardo 'Bubble' Rodrigo

Prêmios

Festival Internacional de Berlim, Alemanha

Menção Especial (Rosie Perez)

Associação de Críticos de Cinema de Los Angeles, EUA

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Rosie Perez)

Sociedade dos Críticos de Cinema de Boston

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Rosie Perez)

Associação dos Críticos de Cinema de Chicago

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Rosie Perez)

Prêmios Golden Camera, Alemanha

Prêmio Golden Camera de Melhor Atriz Internacional (Isabella Rossellini)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Rosie Perez)

Festival Internacional de Berlim, Alemanha

Prêmio Urso de Ouro (Peter Weir)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Rosie Perez)

Associação dos Críticos de Cinema de Chicago

Prêmio de Melhor Ator (Jeff Bridges)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Rosie Perez)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Durante uma viagem de negócios, o arquiteto Max Klein sobrevive à queda de um avião entre San Francisco e Houston. Ao perceber que a aeronave ia cair, inexplicavelmente ele passou a se sentir em paz e a confortar muitos dos passageiros temerosos, indo se sentar ao lado de Byron Hummel, um jovem garoto que viajava sozinho.

O trauma psicológico da experiência vivida transforma sua personalidade e ele entra em um estado alterado de consciência, passando a repensar sua vida e a se tornar preocupado com os significados eternos e as questões existenciais.       

Imediatamente após o acidente, Max aluga um carro e se dirige para Los Angeles, parando no caminho para visitar uma antiga namorada de escola, Alison, que ele não vê há 20 anos. Durante uma refeição em um restaurante, Alison percebe que ele está comendo morango e lhe pergunta sobre sua antiga alergia a essa fruta. Ele sorri e explica que a alergia desapareceu com o tempo.

Na manhã seguinte, ele é procurado pelo FBI que o questiona por sua estranha escolha ao não tentar entrar em contato com sua família e nem permanecer no local do acidente como fizeram os demais sobreviventes. Por outro lado, ao ser procurado por um representante da Companhia Aérea, que lhe oferece bilhetes de trem para que ele possa voltar pra casa em San Francisco, ele não os aceita, afirmando que o desastre não o deixou temeroso em relação às viagens aéreas.

No voo, ele conhece Dr. Bill Perlman, um psiquiatra contratado pela Companhia para ajudá-lo em relação ao transtorno de estresse pós-traumático por ele contraído. O médico o acompanha até sua casa, onde sua esposa, Laura, começa a perceber seu estranho comportamento. Com a maior naturalidade, ele diz para Nan Gordon, esposa do seu amigo e parceiro de negócios, Jeff, que ele morreu no acidente.

A mídia passa a chamá-lo de “O Bom Samaritano” e tenta entrevistá-lo quando Byron vem a público para agradecer-lhe pela maneira como ele confortou os passageiros durante o acidente, mas Max evita fazer qualquer pronunciamento.

Com o passar do tempo, ele se torna mais distante de Laura e de seu filho Jonah por causa da experiência vivida que o levou à beira da morte. O Dr. Perlman o incentiva a se encontrar com Carla Rodrigo, uma das sobreviventes do acidente, na esperança de que os dois possam se ajudar mutuamente.

Max, Laura e Nan se reúnem com o advogado Steven Brillstein, que incentiva Max a exagerar em seu testemunho, a fim de aumentar o valor da indenização que Nan deverá receber da Companhia Aérea pela morte de seu marido. Max demonstra seu desconforto com a mentira, mas relutantemente concorda quando considera a difícil situação financeira de Nan, como uma viúva. O mal-estar da mentira, no entanto, faz com que ele tenha um ataque de pânico e corra para o telhado do edifício, onde anda sobre uma viga extremamente alta, fazendo com que todos acreditem que ele está decidido a se suicidar.

Pouco depois, Carla se encontra com Laura e as duas esclarecem um mal-entendido em relação a uma eventual co-dependência dos dois. Carla explica que respeita Max como ele vê a si mesmo, um anjo, fazendo com que Laura compreenda sua ilusão compartilhada. No entanto, quando Carla relutantemente sai em companhia de Max, este permanece indiferente em seu relacionamento com a esposa e o filho, lutando para acabar com sua imortalidade implícita.

Certa noite, quando o advogado Brillstein vai à casa de Max para celebrar um acordo que se achava pendente, ele leva uma cesta com uma variedade de frutas. Max come um dos morangos, mas, ao contrário do que ocorrera no restaurante, quando estivera em companhia de Alison, desta vez ele experimenta uma reação alérgica imediata que o sufoca. Ele aceita a realidade de sua morte iminente, quando, de repente, é ressuscitado por Laura. Ele sobrevive e recupera sua ligação emocional com sua família, com o mundo e com a realidade de mais uma chance na vida.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta australiano Peter Weir, a partir de um roteiro escrito por Rafael Yglesias, “Sem Medo de Viver” é um bom filme do cinema americano.

Na direção, Weir realiza um bom trabalho com algumas cenas de rara beleza. A fotografia de Allen Daviau é de boa qualidade, o mesmo ocorrendo com sua trilha sonora. No papel principal, Jeff Bridges apresenta uma boa atuação, principalmente nos momentos iniciais em que transmite um estado alterado da mente, fascinando o espectador. Isabella Rossellini se mostra igualmente muito bem, com um dos melhores desempenhos de sua carreira irregular. Já Rosie Perez, no papel de Carla Rodrigo, nos brinda com uma ótima atuação que lhe valeu inúmeros prêmios.

CAA