Filmes por gênero

O GRANDE GATSBY (1974)

The great Gatsby
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Gatsby le magnifique (França, Canadá)
Il grande Gatsby (Itália)
El gran Gatsby (Espanha, Argentina, México, Peru)
Der große Gatsby (Alemanha, Austria)
Den store Gatsby (Suécia, Dinamarca)
Wielki Gatsby (Polônia)
A nagy Gatsby (Hungria)
Великий Гэтсби (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama, Romance
Direção: Jack Clayton
Roteiro: Francis Ford Coppola
Produção: David Merrick, Hank Moonjean
Design Produção: John Box
Direção Musical: Nelson Riddle
Coreografia: Tony Stevens
Fotografia: Douglas Slocombe
Edição: Tom Priestley
Direção de Arte: Gene Rudolf, Robert W. Laing
Figurino: Theoni V. Aldredge
Guarda-Roupa: Barbara Matera
Maquiagem: Charles E. Parker, Gary Liddiard
Efeitos Sonoros: Ken Barker, Terry Rawlings, Brian Simmons
Efeitos Especiais: Tony Parmelee, John Richardson
Nota: 8.0
Filme Assistido em: 1975

Elenco

Robert Redford Jay Gatsby
Mia Farrow Daisy Buchanan
Bruce Dern Tom Buchanan
Karen Black Myrtle Wilson
Scott Wilson George Wilson
Sam Waterston Nick Carraway
Lois Chiles Jordan Baker
Howard Da Silva Meyer Wolfsheim
Roberts Blossom Sr. Gatz
Kathryn Leigh Scott Catherine
Beth Porter Sra. McKee
Paul Tamarin Sr. McKee
John Devlin Guarda-Costas de Gatsby
Patsy Kensit Pamela Buchanan
Marjorie Wildes Enfermeira de Pamela
Blain Fairman Policial
Bob Sherman Detetive
Norman Chancer Detetive
Regina Baff Srta. Baedeker
Brooke Adams Convidada na festa
James Berwick Reverendo
Tom Ewell Amigo do morto
Vincent Schiavelli Homem magro
Jerry Mayer Repórter
John Franchi Fotógrafo

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Figurino (Theoni V. Aldredge)

Oscar de Melhor Trilha Sonora (Nelson Riddle)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Karen Black)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Direção de Arte (John Box)

Prêmio de Melhor Fotografia (Douglas Slocombe)

Prêmio de Melhor Figurino (Theoni V. Aldredge)

Sociedade Britânica dos Fotógrafos de Cinema

Prêmio de Melhor Fotografia (Douglas Slocombe)

Indicações

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Bruce Dern)

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Sam Waterston)

Prêmio de Melhor Revelação Masculina (Sam Waterston)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Nick Carraway, graduado em Yale e veterano da 1ª guerra mundial, trabalha em Nova York como vendedor de títulos. Ele aluga uma pequena casa em Long Island, na vila de West Egg, ao lado da luxuosa mansão de Jay Gatsby, um milionário misterioso que realiza festas extravagantes, embora não participe delas.
 
Certo dia, Nick dirige pela baía até East Egg, a fim de jantar na casa de sua prima, Daisy, e de seu marido, Tom Buchanan, um conhecido seu. Na ocasião, eles o apresentam à Jordan Baker, uma jovem jogadora de golfe atraente e cínica, com quem ele inicia um relacionamento romântico. Uma vez a sós, ela revela a Nick que Tom tem uma amante, Myrtle Wilson, que vive no Vale das Cinzas, um depósito de lixo industrial localizado entre West Egg e Nova York. Pouco depois dessa revelação, Nick viaja para Nova York com Tom e Myrtle, até um apartamento que eles usam para se encontrarem. Uma vez no apartamento, eles improvisam uma pequena festa, que termina quando Tom quebra o nariz de Myrtle depois que ela o irrita, ao repetir o nome de Daisy várias vezes.
 
Algum tempo depois, Nick recebe um convite para uma das festas de Gatsby. Ao chegar lá, ele encontra Jordan Baker e o próprio Gatsby, o proprietário, que o reconhece por ter lutado na mesma divisão dele, durante a guerra. Através de Jordan, Nick descobre que Gatsby conheceu Daisy em um encontro romântico em 1917, e se encontra profundamente apaixonado por ela. Ele passa muitas noites olhando para a luz verde localizada do outro lado da baía, na esperança de um dia reacender o antigo romance. O estilo de vida extravagante e as festas que proporciona são tentativas de impressionar Daisy, na esperança que um dia ela reapareça em sua porta.
 
A pedido de Gatsby, Nick convida Daisy para tomar um chá em sua casa, sem dizer a ela que Gatsby também estará lá. Assim, após uma reunião inicialmente estranha, Gatsby e Daisy voltam a se interessar um pelo outro. Com o passar dos dias, Tom fica cada vez mais desconfiado do relacionamento de sua esposa com Gatsby. Dias depois, quando de um almoço na casa de Buchanan, Daisy fala com Gatsby com tanta intimidade indisfarçada que ele percebe que sua mulher está apaixonada pelo milionário. Embora envolvido em um caso extraconjugal, Tom se mostra indignado com a infidelidade da esposa.
 
Ele, então, força o grupo a se dirigir para Nova York e confronta Gatsby em uma suite do Plaza Hotel, afirmando que ele e Daisy têm uma história que Gatsby nunca conseguirá entender. Além disso, ele diz à sua esposa que Gatsby é um criminoso cuja fortuna vem do abuso de álcool e de outras atividades ilegais.
 
Quando Nick, Jordan e Tom dirigem de volta para casa, descobrem que o carro de Gatsby sofreu um acidente no qual Myrtle, amante de Tom, morreu. Nick descobre mais tarde que Daisy estava dirigindo o carro no momento do acidente, mas Gatsby pretende assumir a culpa de qualquer maneira. Por outro lado, George, marido de Myrtle, conclui falsamente que o motorista do carro acidentado era o amante secreto que ele recentemente começou a suspeitar que ela tinha, e sai à procura de seu proprietário. Depois de descobrir que Gatsby é o proprietário do carro, George vai até sua mansão, onde atira fatalmente em Gatsby e, logo depois, se suicida.
 
Em seguida, Nick organiza o funeral de Gatsby, termina seu relacionamento com Jordan e volta para o Centro-Oeste desiludido com o estilo de vida do Leste americano.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Jack Clayton, a partir de um roteiro escrito por Francis Ford Coppola, "O Grande Gatsby" é um bom filme produzido em 1974 por David Merrick e Hank Moonjean. Sua trama, baseada num romance de F. Scott Fitzgerald, fala de conflitos pessoais, desigualdade social, abuso de drogas e álcool, corrupção política.
 
Na direção, Clayton realiza um trabalho razoavelmente bom, no que é ajudado pela belíssima fotografia de Douglas Slocombe, pelo figurino a cargo de Theoni Aldredge e pela maravilhosa trilha sonora assinada pelo grande Nelson Riddle, onde se destacam as canções "What'll I do" e "All alone", de Irving Berlin, "It had to be you", de Gus Kahn e Isham Jones, "Who ?",  de Jerome Kern, dentre outras. 
 
No elenco, destacam-se Bruce Dern, Sam Waterston e Karen Black, com belíssimas atuações, seguidos de perto por Mia Farrow e Robert Redford.
 
CAA