Filmes por gênero

DE FOLGA PARA AMAR (1958)

The perfect Furlough
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Um solteiro em Paris (Portugal)
Strictly for Pleasure (UK)
Vacances à Paris (França)
In licenza a Parigi (Itália)
Vacaciones sin novia (Espanha)
Urlaubsschein nach Paris (Alemanha)
Drömsemester i Paris (Suécia)
Pikant verlof in Parijs (Holanda)
Korporalen på eventyr (Dinamarca)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Comédia
Direção: Blake Edwards
Roteiro: Stanley Shapiro
Produção: Robert Arthur
Música Original: Frank Skinner
Direção Musical: Joseph Gershenson
Fotografia: Philip H. Lathrop
Edição: Milton Carruth
Direção de Arte: Alexander Golitzen
Figurino: Bill Thomas
Maquiagem: Bud Westmore
Efeitos Sonoros: Leslie I. Carey, James Mobley
Nota: 8.2
Filme Assistido em: 1964

Elenco

Tony Curtis Cabo Paul Hodges
Janet Leigh Tenente Vicki Loren
Keenan Wynn Harvey Franklin
Linda Cristal Sandra Roca
Elaine Stritch Liz Baker
Les Tremayne Coronel Leland
King Donovan Major Collins
Carleton Young Major Morrow
Phil Harvey Capitão Morgan
Hugh Lawrence Capitão Johnson
Troy Donahue Sargento Nickles
Alvy Moore Soldado Marvin Brewer
Marcel Dalio Henri Valentin
Jay Novello René Valentin
Lilyan Chauvin Enfermeira francesa
Eugene Borden Médico francês
Karen Scott Garçonete francesa
Geneviève Aumont Mulher grávida
Donald Lawton Sr. Appleton
Sheila Keddy Sra. Daphne Appleton
Tina Menard Massagista
Albert Carrier Cabeleireiro
Victor Romito Reporter
Terry Terrill Reporter

Prêmios

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Revelação Feminina (Linda Cristal)

Indicações

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Musical ou Comédia

Prêmios Laurel, USA

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Comédia

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Numa reunião no Pentágono, é relatado que o exército americano tem, no Polo Norte, uma estação experimental de radar secreta. São 140 voluntários que vão ficar ali por um ano. O exército, no entanto, cometeu um erro ao só treinar homens solteiros para essa missão, pois acreditava que eles suportariam melhor a solidão. Agora, há um problema, pois todos os voluntários estão com um humor que varia entre a violência e a apatia, além de mostrarem desrespeito à autoridade, negligência e, principalmente, estarem bem "inquietos" por ainda faltarem cinco meses para a tarefa ser concluída.

Ao analisar o problema, a tenente Vicki Loren, uma psicóloga que foi convidada a opinar, sugere que, através de um sorteio, um dos voluntários receba a "licença perfeita", que seria elaborada pelos próprios voluntários. Dessa maneira, o plano é posto em prática, mas a "licença perfeita" que eles idealizam não é para ir para casa e passar três semanas com a namorada ou mãe, e sim, para viajar para Paris e ter ao seu lado, Sandra Roca, uma atriz argentina que é um sucesso em Hollywood.

No início, Sandra não queria colaborar, mas foi convencida por Harvey Franklin, seu empresário. O vencedor foi o cabo Paul Hodges, o único não voluntário da missão e que é também um conhecido mulherengo.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Blake Edwards, a partir de um roteiro escrito por Stanley Shapiro, “De Folga para Amar” é um filme norte-americano produzido pela Universal International Pictures em 1958. Sua trama acompanha a história de um soldado norte-americano que é sorteado para passar três semanas em Paris ao lado de uma atraente atriz argentina.

Na direção, Blake Edwards realiza um trabalho surpreendentemente discreto, apesar do roteiro de Stanley Shapiro se mostrar irregular em alguns momentos. Por outro lado, a fotografia em Eastmancolor e CinemaScope é de muito boa qualidade.

No elenco, Tony Curtis e Janet Leigh, na época marido e mulher na vida real, são os grandes destaques, juntamente com a atriz argentina Linda Cristal, ganhadora do Globo de Ouro de Melhor Revelação Feminina por sua atuação neste filme.

CAA