Filmes por gênero

SATYRICON (1969)

Satyricon
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Fellini Satyricon (USA, UK)
Fellini-Satyricon (Portugal)
Fellinis Satyricon (Alemanha)
Satirikon (Sérvia)
Fellinin Satyricon (Finlândia)
Сатирикон (União Soviética)
Pais: Itália
Gênero: Drama, Fantasia
Direção: Federico Fellini
Roteiro: Federico Fellini, Bernardino Zapponi
Produção: Alberto Grimaldi
Design Produção: Luigi Scaccianoce
Música Original: Nino Rota, Tod Dockstader, Andrew Rudin, Ilhan Mimaroglu
Fotografia: Giuseppe Rotunno
Edição: Ruggero Mastroianni
Direção de Arte: Luigi Scaccianoce
Figurino: Danilo Donati
Guarda-Roupa: Rosemarie Steiger
Maquiagem: Rino Carboni
Efeitos Visuais: Joseph Nathanson
Nota: 8.5
Filme Assistido em: 1971

Elenco

Martin Potter Encolpio
Hiram Keller Ascilto
Max Born Gitone
Salvo Randone Eumolpo
Mario Romagnoli Trimalcione
Magali Noël Fortunata
Capucine Trifena
Alain Cuny Lica
Fanfulla Vernacchio
Danika La Loggia Scintilla
Giuseppe Sanvitale Abinna
Lucia Bosé A matrona
Joseph Wheeler O suicida
Tanya Lopert A imperatriz
Gordon Mitchell O bandido
George Eastman Minotauro
Elisa Mainardi Arianna
Donyale Luna Enotea
Carlo Giordana O Capitão
Sibilla Sedat Ninfomaníaca
Lorenzo Piani Marido da ninfomaníaca
Tania Duckworth Garota do Bordel
Irina Maleeva A criada

Prêmios

Festival Internacional de Veneza, Itália

Prêmio Pasinette de Melhor Filme Estrangeiro (Federico Fellini)

Sindicato dos Jornalistas Críticos de Cinema, Itália

Prêmio Fita de Prata de Melhor Ator Coadjuvante (Fanfulla)

Prêmio Fita de Prata de Melhor Fotografia a Cores (Giuseppe Rotunno)

Prêmio Fita de Prata de Melhor Figurino (Danilo Donati)

Prêmio Fita de Prata de Melhor Design de Produção (Danilo Donati, Luigi Scaccianoce)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Direção (Federico Fellini)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme em Língua Estrangeira

Sindicato dos Jornalistas Críticos de Cinema, Itália

Prêmio Fita de Prata de Melhor Direção (Federico Fellini)

Prêmio Fita de Prata de Melhor Trilha Sonora (Nino Rota)

Prêmio Fita de Prata de Melhor Atriz Coadjuvante (Lucia Bosé)

Prêmios Laurel, USA

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Filme Estrangeiro

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Revelação Masculina (Martin Potter)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Direção (Federico Fellini)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Satyricon narra as aventuras e desventuras de Encolpio e Ascilto, pelo afeto de Gitone, que após ser vendido a um ator de teatro, é resgatado por Encolpio, mas escolhe ficar com Ascilto.

Rejeitado, Encolpio é salvo do próprio suicídio por um terremoto, e a partir daí começa uma jornada que tem por pano de fundo uma galeria de artes onde conhece o poeta Eumolpo, e o acompanha até um bacanal promovido por um aristocrata com pretensões artísticas, mas que despreza a própria esposa pela companhia de um garoto.

Pedofilia, homossexualidade, antropofagia, rituais diversos, numa Babel de culturas, que nos desafiam a ver uma Roma Clássica que, sob os valores de hoje, seria imoral e decadente.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Federico Fellini, a partir de um roteiro por ele escrito, juntamente com Bernardino Zapponi,  “Satyricon” é um filme italiano produzido por Produzioni Europee Associate em 1969. Sua trama, baseada num livro de Petronius, é marcada por orgias, mulheres gordas nuas, sacrifício de animais, ninfomania, tortura, morte e escravidão.

Na direção, Fellini realiza um excelente trabalho, seguido pela magnífica fotografia de Giuseppe Rotunno, e pelo belíssimo figurino assinado por Danilo Donati.

No elenco, Fanfulla brilha no papel de Vernacchio, seguido pelas ótimas atuações de Lucia Bosé, Martin Potter, Magali Noël e Capucine.

CAA