Filmes por gênero

O EXPRESSO DE SHANGHAI (1932)

Shanghai Express
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: O Expresso de Xangai (Portugal)
El Expreso de Shanghai (Espanha)
Schanghai Express (Alemanha)
Shanghaiexpressen (Suécia)
Szanghaj Ekspres (Polônia)
Shanghain pikajuna (Finlândia)
Shanghai-ekspressen (Dinamarca)
Шанхайский экспресс (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: Josef von Sternberg
Roteiro: Jules Furthman
Produção: Adolph Zukor
Música Original: W. Franke Harling, Rudolph G. Kopp
Fotografia: Lee Garmes
Edição: Frank Sullivan
Direção de Arte: Hans Dreier
Figurino: Travis Banton
Guarda-Roupa: Travis Banton
Efeitos Sonoros: Harry D. Mills
Nota: 8.5
Filme Assistido em: 1950

Elenco

Marlene Dietrich Shanghai Lily / Magdalen
Clive Brook Capitão Donald 'Doc' Harvey
Anna May Wong Hui Fei
Warner Oland Sr. Henry Chang
Eugene Pallette Sam Salt
Lawrence Grant Reverendo Carmichael
Louise Closser Hale Sra. Haggerty
Gustav von Seyffertitz Eric Baum
Emile Chautard Major Lenard
Leonard Carey Carey, Ministro em Shanghai
Claude King Sr. Albright
Herbert Evans Funcionário da Ferrovia
Wong Chung Controlador de passaportes
Willie Fung Engenheiro Ferroviário
Minoru Nishida Li Fung, 'Blue Lotus, o espião
Tom Gubbins Oficial chinês

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Fotografia (Lee Garmes)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Filme

Oscar de Melhor Direção (Josef von Sternberg)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1931, durante a guerra civil chinesa, o capitão britânico Donald Harvey, um médico conhecido como "Doc", ao embarcar no Expresso de Shanghai na estação ferroviária de Pequim, encontra uma antiga amante, Magdalen, de quem se separara há cinco anos em função das suas obrigações militares. Magdalen, agora conhecida como Shanghai Lily, é uma cortesã conhecida por ter arruinado financeiramente cinco homens, com seus caprichos.

Ela divide uma cabine de primeira classe com outra cortesã, a chinesa Hui Fei. Também viajam na primeira classe o Reverendo Carmichael, o jogador inveterado Sam Salt, o traficante de ópio Eric Baum, a anciã Sra. Haggerty, o oficial francês Major Lenard e o misterioso eurasiano Henry Chang.

Durante a viagem, soldados do governo param o trem e prendem um espião que se encontrava entre os passageiros. Logo em seguida, o trem retoma sua viagem, ocasião em que Lily e Donald reacendem seu velho amor, muito embora ele se mostre um pouco reticente ao descobrir o tipo de vida que ela resolveu trilhar.

Por volta de meia-noite, o trem é novamente abordado, desta vez pelo exército rebelde, ocasião em que todos tomam conhecimento de que seu comandante supremo é o eurasiano Henry Chang. Preocupado, Donald o informa sobre a urgência de sua viagem à Shanghai, onde está sendo esperado para executar uma intervenção cirúrgica no vice-governador. No entanto, Chang reage mantendo Donald como refém, a quem informa que sua libertação só ocorrerá se os britânicos devolverem seu espião na manhã seguinte. Embora seu espião seja devolvido como exigido, Chang mantém Donald como refém. Adicionalmente, depois de estuprar Hui Fei, ele a mantém presa por toda a noite.

Preocupada com Donald, Lily se oferece para acompanhar Chang em troca da liberdade do capitão britânico. No entanto, ao ser libertada, Hui Fei o esfaqueia até a morte.

O trem finalmente chega à Shanghai, ocasião em que o Reverendo Carmichael elogia Lily por sua atitude e tenta convencer Donald de sua dignidade. O capitão se recusa a acreditar nas palavras do Reverendo, mas quando ele a vê comprando um relógio para substituir um que ele havia perdido, ele lhe implora perdão e os dois se abraçam na estação ferroviária lotada.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta austríaco Josef von Sternberg, a partir de um roteiro escrito por Jules Furthman, “O Expresso de Shanghai” é um excelente filme produzido pela Paramount Pictures em 1932. Sua trama, baseada numa obra de Harry Hervey, consegue prender a atenção do espectador do início ao fim.

Na direção, Sternberg impõe uma boa dose de tensão, notadamente na segunda parte do filme, beneficiada pela magnífica fotografia em preto e branco de Lee Garmes.

No elenco, Marlene Dietrich brilha no papel de Shanghai Lily, seguida pelas ótimas atuações de Warner Oland e Anna May Wong.

CAA