Filmes por gênero

A NOITE DOS DESESPERADOS (1969)

They shoot horses, don´t they ?
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Os cavalos também se abatem (Portugal)
On achève bien les chevaux (França)
Non si uccidono così anche i cavalli? (Itália)
Danzad, danzad, malditos (Espanha)
El baile interminable (Argentina)
Baile de ilusiones (México)
Nur Pferden gibt man den Gnadenschuß (Alemanha)
När man skjuter hästar så... (Suécia)
Jamen, man skyder da heste? (Dinamarca)
Загнанных лошадей пристреливают, не правда ли? (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: Sydney Pollack
Roteiro: James Poe, Robert E. Thompson
Produção: Irwin Winkler, Robert Chartoff
Design Produção: Harry Horner
Música Original: Johnny Green
Fotografia: Philip H. Lathrop
Edição: Fredric Steinkamp
Direção de Arte: Harry Horner
Figurino: Donfeld
Guarda-Roupa: Michael J. Harte, Mina Mittelman
Maquiagem: Frank McCoy
Efeitos Sonoros: Tom Overton, Norval D. Crutcher
Efeitos Especiais: Blondie Anderson
Nota: 8.5
Filme Assistido em: 1970

Elenco

Jane Fonda Gloria Beatty
Michael Sarrazin Robert Syverton
Susannah York Alice LeBlanc
Gig Young Rocky
Red Buttons Harry Kline
Bonnie Bedelia Ruby
Bruce Dern James
Robert Fields Joel Girard
Madge Kennedy Sra. Laydon
Michael Conrad Rollo
Al Lewis Turkey
Severn Darden Cecil
Allyn Ann McLerie Shirley Clayton
Jacquelyn Hyde Jackie
Felice Orlandi Mario
Art Metrano Max
Gail Billings Lillian
Lynn Willis Coley James
Maxine Greene Agnes
Mary Gregory Enfermeira
Tim Herbert Médico
Robert Dunlap Colegial
Paul Mantee Jiggs

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Gig Young)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Susannah York)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Atriz (Jane Fonda)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Gig Young)

Círculo dos Críticos de Cinema de Kansas City, USA

Prêmio de Melhor Atriz (Jane Fonda)

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Gig Young)

Festival Internacional de Cinema de Taormina, Itália

Prêmio Golden Charybdis (Sydney Pollack)

Grand Prix de l'Union de la Critique de Cinéma

Grand Prix de l'UCC

National Board of Review, USA

Prêmio NBR de Melhor Filme

Prêmio NBR dos 10 Melhores Filmes

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Direção (Sydney Pollack)

Oscar de Melhor Direção de Arte - Decoração de Cenários (Harry Horner, Frank McKelvy)

Oscar de Melhor Roteiro Adaptado (James Poe, Robert E. Thompson)

Oscar de Melhor Figurino (Donfeld )

Oscar de Melhor Edição (Fredric Steinkamp)

Oscar de Melhor Trilha Sonora (Johnny Green, Albert Woodbury)

Oscar de Melhor Atriz (Jane Fonda)

Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Susannah York)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Atriz (Jane Fonda)

Prêmio de Melhor Edição (Fredric Steinkamp)

Prêmio de Melhor Roteiro (James Poe, Robert E. Thompson)

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Gig Young)

Prêmio de Melhor Revelação Masculina (Michael Sarrazin)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Drama

Prêmio de Melhor Direção (Sydney Pollack)

Prêmio de Melhor Atriz em um Drama (Jane Fonda)

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Red Buttons)

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Susannah York)

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (Sydney Pollack)

Sindicato dos Jornalistas Críticos de Cinema, Itália

Prêmio Fita de Prata de Melhor Diretor de Filme Estrangeiro (Sydney Pollack)

Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos

Prêmio de Melhor Atriz (Jane Fonda)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Gig Young)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Drama adaptado de material previamente publicado (James Poe, Robert E. Thompson)

Fotogramas de Plata, Madrid, Espanha

Fotogramas de Plata de Melhor Intérprete Estrangeiro (Jane Fonda)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Robert Syverton, que uma vez sonhou em se tornar um grande diretor de cinema, relembra os acontecimentos que o levaram a um crime não declarado. Em sua juventude, ele viu um cavalo quebrar a perna, sendo em seguida sacrificado. Anos mais tarde, em 1932, durante a Grande Depressão, ele participou de uma maratona de dança no surrado Salão de Baile “La Monica”, localizado no Cáis de Santa Mônica , perto de Los Angeles . Ele foi recrutado por Rocky como parceiro substituto de uma descontente cínica, chamada Gloria, quando seu parceiro original foi desqualificado por causa de uma tosse ameaçadora. Essas maratonas testavam ao extremo a resistência dos competidores em troca de comida, roupas e alguns míseros trocados.

Entre os outros concorrentes que competiam por um prêmio de US$ 1.500, encontravam-se Harry Kline, um marinheiro de meia-idade; Alice e seu parceiro Joel, ambos atores ambiciosos; e um trabalhador rural, James, e sua esposa grávida, Ruby. No início da maratona, os pares mais fracos foram eliminados rapidamente, enquanto Rocky observava as vulnerabilidades dos competidores mais fortes e os explorava para diversão do público. Os nervos desgastados foram exacerbados pelo roubo de um dos vestidos de Alice e o descontentamento de Gloria, pela atenção que ela recebia de Robert. Em retaliação, ela tomou Joel como seu parceiro, mas quando ele recebeu uma oferta de trabalho e partiu, ela se alinhou com Harry.

Semanas depois da maratona, para despertar o entusiasmo dos espectadores pagantes, Rocky apresentou uma série de aventuras em que os competidores exaustos, vestidos com roupas de corrida, deviam correr pela pista de dança, sendo os três últimos casais eliminados. Harry sofreu um ataque cardíaco fatal durante uma das corridas, mas a implacável Gloria o levantou de costas e cruzou a linha de chegada. Ele morreu enquanto Gloria o arrastava. Alice, que testemunhou sua morte, sofreu um colapso e foi levada embora. Sem parceiros, Robert e Gloria voltaram a formar um par.

Rocky sugeriu que o casal se casasse durante a maratona, um golpe de publicidade garantido para ganhar algum dinheiro, na forma de presentes de apoiadores como a Sra. Laydon. Quando Gloria se recusou, ele revelou que o concurso não era o que parecia. As despesas seriam deduzidas do prêmio em dinheiro, deixando o vencedor com quase nada.
 
Ao deixarem a competição, os dois saíram do salão de dança e ficaram no píer, com vista para o oceano. Gloria confessou o quão vazia ela se sentia e disse a Robert que pretendia se matar, mas ao sacar uma arma e apontar para si mesma, não conseguiu puxar o gatilho. Desesperada, ela disse a Robert: "Ajude-me!". Atendendo ao seu pedido, ele atirou em sua cabeça, matando-a. Questionado pela polícia quanto ao motivo de sua ação, Robert respondeu: "Eles atiram em cavalos, não atiram?"

A maratona continuou com seus poucos casais restantes, incluindo James e Ruby. Os eventuais vencedores não foram revelados.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Sydney Pollack, a partir de um roteiro escrito por James Poe e Robert E. Thompson, “A Noite dos Desesperados” é um filme produzido pelas empresas American Broadcasting Company e Palomar Pictures  em 1969. Sua trama, baseada num romance de Horace McCoy, se passa na época da Grande Depressão americana e discorre sobre uma maratona de dança, que apesar de se tratar de uma história trágica, se mostra tanto instigante quanto fascinante do início ao fim.

Na direção, Pollack realiza um excelente trabalho, marcado pelo ótimo ritmo por ele imposto à narrativa. Na área técnica, merecem igualmente destaques o roteiro, sua trilha sonora, seu figurino e os trabalhos de edição e direção de arte, todos premiados ou indicados a premiações.

No elenco, Jane Fonda, Gig Young e Susannah York brilham, em seus respectivos papéis, seguidos pelas ótimas atuações de Red Buttons e Michael Sarrazin.

CAA