Filmes por gênero

MEU HOMEM E EU (1952)

My man and I
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Sem pudor (Portugal)
La femme sans loi (França, Bélgica)
Il mio uomo (Itália)
Kvinnan utan lag (Suécia)
Siipirikko (Finlândia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: William A. Wellman
Roteiro: John Fante, Jack Leonard
Produção: Stephen Ames
Música Original: David Buttolph
Fotografia: William C. Mellor
Edição: John D. Dunning
Direção de Arte: Cedric Gibbons, James Basevi
Maquiagem: William Tuttle
Efeitos Sonoros: Douglas Shearer, Conrad Kahn
Efeitos Especiais: Warren Newcombe
Nota: 7.9
Filme Assistido em: 1953

Elenco

Shelley Winters Nancy
Ricardo Montalban Chu Chu Ramirez
Wendell Corey Ansel Ames
Claire Trevor Sra. Ansel Ames
Robert Burton Xerife
José Torvay Manuel Ramirez
Jack Elam Celestino Garcia
Pascual García Peña Willie Chung
George Chandler Frankie, barman
Juan Torena Vincente Aguilar
Carlos Conde Joe Mendacio
Fred Coby Detetive
Ralph Brooks Detetive
Alan Dreeban Promotor
Tyler McVey Advogado de defesa
Earl Lee Juiz Wells
Jim Hayward Jurado
Dabbs Greer Funcionário da Corte
Philip Van Zandt Médico
Rhea Mitchell Enfermeira
Ralph Moody Rogers
Tom Greenway Patrulheiro
Jack Daly Funcionário do Banco
Billie Bird Garçonete

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Chu Chu Ramirez, um mexicano que trabalha como catador de uvas na Califórnia, recentemente se tornou um cidadão americano e está determinado a ter uma vida melhor. Enquanto seu primo Manuel e seus amigos Celestino e Willie gastam seus salários em jogos de azar e mulheres, Chu Chu compra roupas novas e uma enciclopédia. Ao terminar a estação de colheita de uvas, ele consegue um trabalho na fazenda de Ansel Ames, perto de Sacramento. Ames e sua esposa estão tendo problemas conjugais e a solitária Sra. Ames, que inicialmente considera Chu Chu com desprezo, por ser um "estrangeiro", se torna atraída por ele com o passar do tempo. O jovem, no entanto, mostra-se amigável e gentil com ela, mas não corresponde às suas tentativas de seduzi-lo. Por outro lado, ele se sente atraído por Nancy, uma garçonete conturbada com um problema de bebida, cujo ex-marido, um piloto de testes, foi morto em um acidente. Chu Chu utiliza uma preciosa carta do presidente Franklin D. Roosevelt, para obter dinheiro para Nancy, e pede-lhe para ser seu namorado, embora ela proteste por achar que ele não deve perder seu tempo com uma pessoa que não tem nada para lhe oferecer.

Quando Chu Chu termina seu trabalho na fazenda de Ames e recebe seu salário através de um cheque, ele vai até uma agência bancária, que rejeita o cheque. Ao procurar Ames para falar sobre o cheque sem fundos, este o ameaça com uma espingarda. Diante dessa situação, ele leva o caso para uma junta de trabalho, que lhe promete uma solução dentro de um prazo de sessenta dias. Ele planeja encontrar Nancy, que se mudou para Los Angeles, e se casar com ela assim que receber seu salário. No entanto, no final dos sessenta dias, quando Chu Chu novamente tenta receber seu salário, Ames o ataca, fazendo com que ele se defenda, derrubando-o antes de sair. Ames e sua esposa discutem, ocasião em que ela lhe diz que Chu Chu vale por dez dele, fazendo com que ele a agrida. Ela cai em um depósito de armas e uma delas dispara, atingindo Ames no ombro. O casal acusa falsamente Chu Chu de atirar em Ames e ele é preso. Pouco tempo depois, ao tomar conhecimento de que Nancy tentou suicidar-se em Los Angeles, Chu Chu escapa da cadeia e a procura. No entanto, pouco tempo depois, a polícia o localiza e o leva de volta sob custódia.

Durante o julgamento de Chu Chu, tanto Ames quanto sua mulher mantêm a falsa alegação de que ele teria atirado em Ames, o que o leva a ser considerado culpado, embora o júri solicite e o juiz conceda uma sentença leve. No entanto, por se tornar um condenado, Chu Chu perderá sua cidadania, algo que ele considera um destino pior do que a morte. Como forma de protestarem contra a injustiça praticada pelo casal, um primo de Chu Chu e amigos acampam defronte à propriedade deles e começam a tocar músicas mexicanas e a fazer outras coisas que façam com que eles se recordem de Chu Chu. Nancy, que ainda não se encontra recuperada, acusa a Sra. Ames de destruir Chu Chu, antes de passar mal e ter que ser levada às pressas para o hospital. Diante de tamanha pressão, o Sr. e a Sra. Ames chegam à conclusão de que devem confessar a verdade, embora sejam acusados de perjúrio. Após a confissão, Chu Chu é libertado e vai ao encontro de Nancy no hospital.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta William A. Wellman, a partir de um roteiro escrito por John Fante e Jack Leonard, “Meu Homem e Eu” é um interessante filme produzido pela Metro-Goldwyn-Mayer (MGM) em 1952. Partindo de um roteiro bastante original e inteligente, Wellman nos brinda com um belo trabalho de direção.

No elenco, embora não se mostrem em seus melhores momentos, Ricardo Montalban e Shelley Winters se saem bem, seguidos pelas boas atuações de Claire Trevor e Wendel Corey.

CAA