Filmes por gênero

DOCES CONFISSÕES (1971)

Les aveux les plus doux
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Ricatto di un commissario di polizia a un giovane indiziato di reato (Itália)
Zärtliche Wünsche (Alemanha)
The most gentle confessions (Estados Unidos, Reino Unido)
Anakrisi tritou vathmou (Grécia)
Pais: França, Itália, Argélia
Gênero: Drama, Crime
Direção: Édouard Molinaro
Roteiro: Édouard Molinaro, Jean-François Hauduroy
Produção: Christine Gouze-Rénal
Design Produção: Mohamed Boudjema
Música Original: Georges Delerue
Fotografia: Raoul Coutard
Edição: Monique Isnardon, Robert Isnardon
Efeitos Sonoros: Sidi Boumedienne Dahmane, André Louis
Nota: 6.9
Filme Assistido em: 1972

Elenco

Philippe Noiret Inspetor Muller
Roger Hanin Inspetor Borelli
Caroline Cellier Catherine
Marc Porel Jean Dubreuil
Hassan Hassani Tabelião
Gérard Landry Lopez
Nourredine Agoulmine Policial jovem
Raymond Louzoum Henri
Léa Nanni Elsa
Giuseppe Addobbati Prefeito
Abdelhalim Rais Proprietário do Café
Pierre Couderc .
Enzo Fiermonte .
Jean-Pierre Garrigues .
Rachid Merabtine .

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1971, numa cidade que se parece com Marselha, dois jovens, Jean Dubreuil e Catherine, se amam e vivem a vida boêmia em uma casa pobremente mobiliada. O jovem rouba um carro com sua namorada, mas abandonam o veículo trezentos metros depois por causa de um pneu furado. Em seguida, ao caminharem pela praia, um homem que está jogando voleibol desafia Dubreuil, e lhe pergunta como ele está vivendo depois de ter sido libertado da prisão. Dubreuil responde evasivamente e diz à Catherine que ele é um policial.

Pouco depois, Dubreuil participa do roubo de um circo, mas a ação não sai como planejada.  Um de seus dois cúmplices ataca um dos homens do circo e o mata. Dubreuil consegue fugir e esconde o dinheiro do roubo.

A polícia local, tendo à frente o inspetor Borelli e o inspetor-chefe Muller, investiga o crime, ocasião em que pede ao proprietário do circo que identifique o responsável pelo mesmo, através dos arquivos policiais. Pouco tempo depois, Dubreuil é preso pelos inspetores e formalmente identificado pelo proprietário do circo. No entanto, ao ser pressionado para confessar seu crime e denunciar seus cúmplices, ele se mantém firme, alegando sua inocência, no que é acompanhado por Catherine.

No final, Dubreuil é derrotado, o mesmo ocorrendo com a polícia, por ter abusado de seus poderes, permanecendo uma incerteza sobre o destino dos dois amantes.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Édouard Molinaro, a partir de um roteiro por ele escrito, juntamente com Jean-François Hauduroy, “Doces Confissões” é um filme produzido pelas empresas Progéfi, Trianon Films, O.N.C.I.C., Ultra Film e Office des Actualities Algerienes em 1971. Sua trama, baseada numa peça de teatro de Georges Arnaud, fala de um plano maquiavélico elaborado por dois inspetores de polícia com a finalidade de fazer com que um provável assassino confesse seus crimes.

Na direção, Molinaro realiza um trabalho apenas mediano. Por outro lado, a fotografia em Eastmancolor de Raoul Coutard é de muito boa qualidade, o mesmo ocorrendo com a trilha sonora assinada por Georges Delerue.

No elenco, com atuações bastante convincentes, destacam-se Philippe Noiret, Marc Porel e Roger Hanin.

CAA