Filmes por gênero

UM QUARTO EM ROMA (2010)

Habitación en Roma
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Room in Rome (França, Suécia)
Eine Nacht in Rom (Alemanha)
Egy éjszaka Rómában (Hungria)
Rom i Roma (Noruega)
Atesli oda (Turquia)
Noc w Rzymie (Polônia)
Комната в Риме (Rússia)
Pais: Espanha
Gênero: Drama
Direção: Julio Medem
Roteiro: Julio Medem
Produção: Julio Medem, Álvaro Longoria, Pilar Benito
Música Original: Jocelyn Pook
Direção Musical: Jocelyn Pook
Fotografia: Alex Catalán
Edição: Julio Medem
Direção de Arte: Montse Sanz
Figurino: Carlos Díez
Guarda-Roupa: Sofía Medem
Maquiagem: Susana Sánchez, Patricia López
Efeitos Sonoros: Juan Borrell, Polo Aledo, Ricardo Viñas e outros
Efeitos Visuais: Rubén Sanz, Rafa Solorzano, Matías Nieto e outros
Nota: 8.4
Filme Assistido em: 2011

Elenco

Elena Anaya Alba
Natasha Yarovenko Natacha
Enrico Lo Verso Max
Najwa Nimri Edurne
Ander Malles Garoto
Laura Meizoso Garota

Prêmios

Fotogramas de Plata, Madrid, Espanha

Fotogramas de Plata de Melhor Atriz (Elena Anaya)

Prêmios Turia, Espanha

Prêmio Turia de Melhor Revelação Feminina (Natasha Yarovenko)

Indicações

Prêmios Goya - Academia Espanhola, Espanha

Goya de Melhor Roteiro Adaptado (Julio Medem)

Goya de Melhor Atriz (Elena Anaya)

Goya de Melhor Revelação Feminina (Natasha Yarovenko)

Goya de Melhor Canção Original (Lourdes Hernández)

União dos Atores Espanhóis

Melhor Atuação de uma Atriz em papel protagonista (Elena Anaya)

Toulouse Cinespaña, Toulouse, França

Prêmio Violette d'Or (Julio Medem)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Alba, uma turista espanhola de 30 e poucos anos, em Roma, seduz uma jovem russa mais nova, Natasha, para voltar ao seu quarto do hotel em sua última noite de férias em Roma. Elas haviam se encontrado antes em um clube. Ao chegarem ao quarto, Natasha se mostra inicialmente relutante, mas Alba, com habilidade, aproveita a hesitação da jovem para lisonjeá-la e termina fazendo com que ela responda aos seus avanços sexuais, embora continue a sustentar que é heterossexual e que nunca teve relações sexuais com uma mulher. Alba, por sua vez, alega que é lésbica e que nunca fez sexo com um homem.

Em seguida, as duas se despem e se deitam, mas Natasha ainda se mostra extremamente nervosa. Alba sugere que, inicialmente, elas se coloquem lado a lado e apenas se toquem casualmente. Natasha concorda e, depois de algum tempo, Alba adormece de tão relaxada que se encontra. Natasha, silenciosamente, sai da cama, se veste e sai do quarto se perguntando o que aconteceria se ela ficasse e consumasse sua curiosidade e atração por Alba.

Com a pressa de sair, Natasha deixou seu celular no quarto, e o tom de toque desperta Alba. Ao retornar para pegá-lo, ela reluta em entrar no quarto novamente. No entanto, quando um funcionário do turno da noite, Max, passa por elas, Alba agarra Natasha e a leva de volta ao quarto. Ao falar sobre a localização do hotel de Natasha e olhar para um antigo mapa de Roma, Alba continua a flertar com a jovem, que termina sucumbindo à sua curiosidade em relação à ela, levando-a a se despir e a se deitar na cama, quando as duas fazem sexo pela primeira vez.

Durante as dez horas seguintes, elas se aproximam, uma da outra, já que Natasha se mostra mais relaxada e confortável ao lado de Alba. As duas compartilham histórias, periodicamente parando para ilustrar seus pontos de vista, com imagens na Internet, e exploram seus corpos através do sexo. Alba, inicialmente, conta uma história sobre como sua mãe a abandonou, quando ela era pequena, e ela acabou como a mulher mantida por um rico árabe da Arábia Saudita, enquanto Natasha compartilha uma história de seu pai abusivo e da carreira de sua irmã gêmea, como historiadora de arte.

Finalmente, elas contam a verdade. Natasha revela que seu verdadeiro nome é Dasha, que ela é realmente uma tenista profissional em férias, e que vai se casar na semana seguinte, na Rússia, com um homem. Sua irmã gêmea, Sasha, uma modelo e atriz, telefona para saber de seu paradeiro e de seus planos para o casamento. Alba, em seguida, revela que é engenheira mecânica e inventora, em Roma, mas que vive com uma mulher em San Sebastian, na Espanha. Ela lhe mostra um vídeo dela com sua companheira, Edurne, que tem dois filhos pequenos.

Ao amanhecer, elas tomam café juntas, servido pelo esperto garçom de quarto, Max. Durante o café, elas discutem a possibilidade de abandonarem seus parceiros e viverem juntas em Roma, mas ambas parecem perceber que essa alternativa não é possível. Enquanto Alba confessa que se acha apaixonada por ela, Natasha fica mais defensiva e insiste que sua atração por Alba só decorre da curiosidade em relação ao mesmo sexo, mas não pelo amor.

Depois de fazerem amor pela última vez, as duas amantes decidem se separar, retornando às suas vidas anteriores, na Rússia e na Espanha, e concordando em deixar como segredo delas, a noite apaixonada que juntas compartilharam.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Julio Medem, igualmente responsável pelo roteiro, “Um Quarto em Roma” é um filme espanhol, produzido em 2010, sobre duas jovens mulheres, que se encontram casualmente em um clube e terminam passando a noite juntas, na cama de um quarto de hotel.

Habilmente escrito por Medem, e muito bem fotografado por Alex Catalán, o filme tem, na direção, um de seus pontos mais altos. No elenco, as duas atrizes brilham em seus respectivos papéis, fato reconhecido pelas indicações e premiações recebidas.

Enfim, é um filme que merece ser visto.

CAA