Filmes por gênero

UMA RAJADA DE BALAS (1967)

Bonnie and Clyde
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Bonnie e Clyde (Portugal)
Bonnie et Clyde (França, Bélgica)
Gangster story (Itália)
Bonnie y Clyde (Espanha, Colômbia, México)
Bonnie und Clyde (Austria, Alemanha)
Bonnie och Clyde (Suécia)
Bonnie og Clyde (Dinamarca)
Bonnie i Clyde (Polônia, Croácia)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Biográfico, Crime, Drama
Direção: Arthur Penn
Roteiro: Robert Benton, David Newman
Produção: Warren Beatty
Música Original: Charles Strouse
Fotografia: Burnett Guffey
Edição: Dede Allen
Direção de Arte: Dean Tavoularis
Figurino: Theadora Van Runkle
Guarda-Roupa: Norma Brown, Andy Matyasi
Maquiagem: Robert Jiras
Efeitos Sonoros: Francis E. Stahl, Dan Wallin
Efeitos Especiais: Danny Lee
Nota: 9.4
Filme Assistido em: 1968

Elenco

Warren Beatty Clyde Barrow
Faye Dunaway Bonnie Parker
Michael J. Pollard C. W. Moss
Gene Hackman Buck Barrow
Estelle Parsons Blanche
Denver Pyle Frank Hamer
Dub Taylor Ivan Moss
Evans Evans Velma Davis
Gene Wilder Eugene Grizzard
Harry Appling Tio de Bonnie
Mabel Cavitt Mãe de Bonnie
Frances Fisher Tia de Bonnie
Ada Waugh Tia de Bonnie
Ann Palmer Irmã de Bonnie
Ken Mayer Xerife Smoot
Owen Bush Policial
Martha Adcock Cliente do Banco
Patrick Cranshaw Funcionário do Banco
Russ Marker Guarda do Banco
Garry Goodgion Billy

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Fotografia (Burnett Guffey)

Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Estelle Parsons)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Revelação Feminina (Faye Dunaway)

Festival de Cinema de Mar del Plata, Argentina

Prêmio de Melhor Filme (Arthur Penn)

Menção Especial (Faye Dunaway)

Prêmio de Melhor Filme - Competição Internacional (Arthur Penn)

Prêmios Bodil - Copenhague, Dinamarca

Bodil de Melhor Filme Não Europeu (Arthur Penn)

Prêmios David di Donatello, Itália

David de Melhor Ator Estrangeiro (Warren Beatty)

David de Melhor Atriz Estrangeira (Faye Dunaway)

Círculo dos Críticos de Cinema de Kansas City, USA

Prêmio de Melhor Filme

Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos

Preêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Gene Hackman)

Prêmio de Melhor Roteiro (David Newman, Robert Benton )

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Roteiro (David Newman, Robert Benton )

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Roteiro de um Drama Americano (David Newman, Robert Benton)

Prêmio de Melhor Roteiro Original (David Newman, Robert Benton)

Prêmios Laurel, USA

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Filme de Ação - Drama

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Atriz em um Drama (Faye Dunaway)

Prêmio Kinema Junpo, Tóquio, Japão

Prêmio Kinema Junpo de Melhor Filme em Língua Estrangeira (Arthur Penn)

Prêmio Kinema Junpo de Melhor Direção de um Filme Estrangeiro (Arthur Penn)

Prêmios de Melhor Edição de Som, Estados Unidos

Prêmio Golden Reel de Melhor Edição de Som

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Direção (Arthur Penn)

Oscar de Melhor Roteiro Original (David Newman, Robert Benton)

Oscar de Melhor Ator (Warren Beatty)

Oscar de Melhor Atriz (Faye Dunaway)

Oscar de Melhor Figurino (Theadora Van Runkle)

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Michael J. Pollard)

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Gene Hackman)

Oscar de Melhor Filme

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Filme (Arthur Penn)

Prêmio de Melhor Ator Estrangeiro (Warren Beatty)

Prêmio de Melhor Revelação Masculina (Michael J. Pollard)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Drama

Prêmio de Melhor Roteiro (Robert Benton, David Newman)

Prêmio de Melhor Ator em um Drama (Warren Beatty)

Prêmio de Melhor Atriz em um Drama (Faye Dunaway)

Prêmio de Melhor Direção (Arthur Penn)

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Michael J. Pollard)

Prêmio de Melhor Revelação Masculina (Michael J. Pollard)

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (Arthur Penn)

Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos

Prêmio de Melhor Filme

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio de Melhor Direção (Arthur Penn)

Prêmios Edgar Allan Poe

Prêmio de Melhor Filme (David Newman)

Prêmios Grammy, EUA

Grammy de Melhor Trilha Sonora (Charles Strouse)

Prêmios Laurel, USA

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante (Michael J. Pollard)

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Atriz Coadjuvante (Estelle Parsons)

Editores do Cinema Americano, USA

Prêmio Eddie de Melhor Edição de um Longa Metragem (Dede Allen)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1930, durante a Grande Depressão, Bonnie Parker, uma garçonete de 19 anos, conhece Clyde Barrow, 21 anos, um  ex-presidiário que foi solto por bom comportamento, quando este tenta roubar o carro de sua mãe.

Atraída pelo rapaz, ela o acompanha.  Ambos iniciam uma carreira de crimes, assaltando bancos e roubando automóveis.  Conhecem o mecânico C.W. Moss, que passa a ser o novo companheiro da dupla, mas durante um assalto matam uma pessoa e são caçados daí em diante como assassinos.

Ao grupo, une-se Buck, o irmão de Clyde, recém-saído da cadeia, e Blanche, sua mulher.

Sucedem-se os assaltos e logo o quinteto ganha fama em todo o sul do país.  Uma noite, são cercados por vários policiais e, obrigados a matar para fugir, passam a ser perseguidos em vários Estados.

imagem

Comentários

Baseado na história verídica de dois dos mais famosos ladrões de Bancos dos EUA, "Uma Rajada de Balas" é um filme vibrante, violento, um clássico do cinema dos anos 60.

Realizado pelo cineasta Arthur Penn, o filme prende a atenção do início ao fim e faz com que o espectador passe a torcer pelos cultuados ladrões de Bancos.  Apesar das cenas de violência que marcam o desenvolvimento da narrativa, Penn consegue fazer uma boa análise psicológica dos personagens.

Warren Beatty e Faye Dunaway, esta última estreando no cinema, estão brilhantes nos papéis principais.  No elenco coadjuvante, destacam-se as atuações de Gene Hackman, Michael J. Pollard e Estelle Parsons.

O filme conta ainda com uma excelente fotografia, assinada pelo competente Burnett Guffey, e com um magnífico trabalho de edição, marcado pelos cortes rápidos.

Enfim, "Uma Rajada de Balas" é, sem dúvida, o melhor filme de ladrões de Bancos de todos os tempos.

CAA