Filmes por gênero

A ESQUINA DO PECADO (1961)

Back street
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: A história de um grande amor (Portugal)
Histoire d'un amour (França)
La calle de atrás (Espanha)
Il sentiero degli amanti (Itália)
Endstation Paris (Alemanha)
La usurpadora (México)
Kärlekens bakgata (Suécia)
Skjult kærlighed (Dinamarca)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: David Miller
Roteiro: Eleanore Griffin, William Ludwig
Produção: Ross Hunter
Música Original: Frank Skinner
Direção Musical: Joseph Gershenson
Fotografia: Stanley Cortez
Edição: Milton Carruth
Direção de Arte: Alexander Golitzen
Figurino: Jean Louis
Maquiagem: Bud Westmore
Efeitos Sonoros: Frank H. Wilkinson, Waldon O. Watson
Nota: 8.2
Filme Assistido em: 1962

Elenco

Susan Hayward Rae Smith
John Gavin Paul Saxon
Vera Miles Liz Saxon
Charles Drake Curt Stanton
Virginia Grey Janey nee Smith
Reginald Gardiner Dalian
Tammy Marihugh Caroline
Robert Eyer Paul Saxon Jr.
Natalie Schafer Sra. Evans
Doreen McLean Srta. Hatfield
Alex Gerry Sr. Venner
Karen Norris Sra. Penworth
Hayden Rorke Charley Claypole
Mary Lawrence Marge Claypole
Joseph Cronin Funcionário do Aeroporto
Ted Thorpe Funcionário do Hotel
Joyce Meadows Modelo
Joanne Betay Modelo
Isabelle Felder Modelo
Melissa Weston Modelo
Eugene Borden Detetive
Freddie Roberto Médico
Iphigenie Castiglioni Sra. Vitalano

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Figurino (Jean Louis)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Terminada a Segunda Guerra Mundial, após sua liberação dos fuzileiros navais, Paul Saxon, herdeiro de uma cadeia de lojas de Departamentos, tem um caso com Rae Smith, proprietária de uma loja de roupas em Lincoln, Nebraska. No entanto, quando ela descobre que Paul é casado e tem dois filhos, ela se muda para Nova York e se torna um designer de moda bem sucedida. Ele volta a encontrá-la, mas Rae se recusa a se tornar a "outra mulher" em sua vida.

Anos depois, eles se reencontram em Roma, onde Rae, agora parceira do célebre designer Dalian, abriu um salão. Durante os 3 dias que passam juntos na Villa de Rae, situada à beira-mar, ele lhe explica que sua alcoólatra esposa, Liz, se recusa a lhe conceder o divórcio. Depois de uma tentativa de suicídio de Liz, Paul compra uma casa para Rae nos subúrbios de Paris e os dois amantes continuam a se encontrar.

Quando o jovem filho de Paul identifica Rae como a mulher misteriosa, na vida de seu pai, ele ordena que ela se mantenha longe da família. Certa noite, durante um desfile de modas promovido por Rae, Liz aparece e provoca um vexame. Na mesma noite, ao dirigir embriagada, ao lado de Paul, ela perde o controle do veículo e morre no acidente.  Paul é levado a um hospital, onde pede a presença de Rae para professar seu amor antes de morrer.

Dias depois, ela recebe a visita dos dois filhos órfãos de Paul, que agora compartilham com ela um vínculo comum de solidão e tristeza.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta David Miller, a partir de um roteiro escrito por Eleanore Griffin e William Ludwig, “A Esquina do Pecado” é um filme norte-americano produzido pelas empresas Carrollton Inc. e Ross Hunter Productions em 1961. Sua trama, baseada num romance de Fannie Hurst, acompanha o relacionamento amoroso entre um homem casado e pai de dois filhos, e uma bela mulher que se torna uma designer de moda bem sucedida.

Na direção, embora nada excepcional, Miller realiza um bom trabalho, no que é ajudado pela fotografia, em Eastmancolor, a cargo de Stanley Cortez. Na área técnica, merecem ainda ser destacados o belo figurino, indicado ao Oscar, assinado por Jean Louis, e a direção de arte a cargo de Alexander Golitzen.

No elenco, Susan Hayward brilha no papel principal, seguida pelas boas atuações de John Gavin e Vera Miles.

CAA